Segregação de Redes Ethernet como medida de Segurança Cibernética

Você sabia que muitas redes industriais são vulneráveis a ataques cibernéticos de larga escala?

Não só é muito difícil ter controle total sobre o tipo de tráfego presente numa rede industrial o tempo todo, mas é ainda mais difícil saber quando algo está prestes a dar errado, com potencial para causar graves danos à aplicação inteira.

Os switches Westermo Layer 3 fornecem meios eficientes de proteger ativos críticos em sistemas de automação através de segregação de rede de acordo com o conceito de zona de segurança da IEC-62443.

O futuro da indústria de processos é digital, e esta tendência está sendo conduzida em todo o mundo sob as bandeiras da Indústria 4.0 e da Internet das Coisas (IoT).

A digitalização cria muitas oportunidades para a otimização da eficiência e flexibilidade das plantas, as deixando preparadas para o futuro. No entanto, muitas vezes as pessoas ignoram o fato de que também há desvantagens: ameaças à segurança das plantas decorrentes da digitalização, especialmente como resultado da crescente e cada vez mais sofisticada ciber-criminalidade.

Você conhece os 5 passos básicos para melhorar a segurança cibernética dos seus sistemas de automação e controle de processo? Clique aqui e acesse o excelente artigo que detalha estas etapas.

Posts Relacionados

Deixe um Comentário